quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Poesia - Homenagem 120 anos Siderópolis




Cidade de Siderópolis/SC
Siderópolis, minha terra!
 Maria Lurdete Da Boita Bez Birolo
No início Nova Belluno
Trazendo um pouco da Itália
Deixaram marcas profundas
E uma historia que marcha.

Riquezas aqui se percebe
Banana, milho, feijão...
Resicolor, Ino, Olivo, Tubozam, Entec...
E a grande fonte, o carvão.

Na cultura, quanto orgulho!
Tantos filhos já formou
Mostrando que na força do estudo
Muitas vidas transformou.

O Valdo na seleção
Tambem o Brasil representou
Em 90, com emoção
Da copa,  participou.

Patrono da Academia, Aldo Baldim
Na historia da cidade, canta
Deonisio da Silva, para a ALASI
Como presidente de honra, encanta

E como obras de fé
Anunciaram é verdade
Os Orionitas no carisma
Ressaltando a caridade.

E a querida Siderópolis
Prossegue na tradição
Na fé e na cultura bendiz:
Tambem orgulho a nação!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

VIII Concurso Literário 2017

1-A  Academia de Letras e Artes de Siderópolis (ALASI), por meio de seus acadêmicos promove o VIII Concurso de Poemas, Contos e...